Escritório de Representação no Japão (ou Escritório de Ligação no Japão)

Um Escritório de Representação no Japão registrado com as mesmas informações legais da empresa matriz não requer um capital social à parte.

O escritório de representação no Japão não é uma entidade independente da empresa-mãe.

O Escritório de Representação é a opção mais simples e econômica para uma pequena ou média empresa dar seu primeiro passo para ingressar em um novo mercado: o japonês. Este Escritório de Ligação lhe permite estar físicamente presente no Japão, analizar o mercado japonês e o ambiente cultural, sem precisar de orçamento significativo.
O Escritório de Ligação no Japão pode também romper as barreiras culturais e idiomáticas, negociar contratos com parceiros locais, distribuir folhetos, fazer propaganda de maneira eficaz, promover a imagen corporativa da empresa matriz e explorar o mercado para avaliar as entradas & saídas comerciais.

Tributabilidade

Já que não gera vendas comerciais próprias (atuando, no máximo, como intermediário entre a empresa matriz e os parceiros locais), o Escritório de Representação não está sujeito à tributação no Japão.

Contratação de Pessoal no Japão

A empresa matriz não pode empregar pessoal no Japão diretamente, mas nós podemos recrutar e empregar uma nova equipe dedicada exclusivamente ao atendimento das suas necessidades.
Se você não precisar de uma equipe exclusiva, e se a carga de trabalho não for excessiva, uma outra opção é alocar nosso próprio pessoal para trabalhar para você.

Vantagens e benefícios:

  • Presença no mercado japonés
  • Não requer os investimentos típicos necessários para a abertura de um escritorio.
  • Não requer um orçamento mensal elevado para gastos de escritorio (por exemplo, com despesas de aluguel, manutenção, salário do pessoal, transportes, etc.).
  • Funcionamento durante o horário comercial do Japão; comunicação em ambos os idiomas.

Situação legal:

O Escritório de Representação no Japão não tem um status legal e não está sujeito à aprovação por parte das autoridades. Em alguns casos pouco comuns, é possível que os parceiros locais com os quais negociamos ou dialogamos solicitem uma evidência da nossa condição de Representantes com um Escritório de Representação no Japão e, por isso, é necessário que a empresa estrangeira emita um documento comprobatório, capacitando-nos a atuar como seu Escritório de Ligação no Japão (à parte o contrato, que é confidencial).
Toda a documentação legal necessária (contratos, faturas, recibos, etc.) relacionados aos negócios com os parceiros japoneses devem ser emitidos e firmados pela empresa matriz, de modo que todas as transações são internacionais.

Nota: nas ofertas de empresas similares à nossa, é possível encontrar serviços que descrevam condições para o Escritório de Representação no Japão como se fossem para a Sucursal, o que pode gerar alguma confusão.


Tabela comparativa das opções
Agente de exposições e feiras comerciais no Japão

Estabelecimento de uma sucursal no Japão (condições para o registro):

  • Contar com um contrato de aluguel de um espaço para o funcionamento do escritório (podemos ajudar neste sentido, permitindo-lhe utilizar o endereço do nosso escritório como endereço da sua sucursal).
  • Deve nomear um diretor, que é o representante local da empresa (podemos ajudar neste sentido, disponibilizando um residente local como diretor nomeado).
  • A empresa matriz deverá fornecer uma cópia impressa do ato de incorporação em seu próprio país.
  • Você deverá expedir um documento com firma reconhecida em Cartório (por exemplo, Apostila de Haia, etc.).
  • Traduções para o japonês dos documentos mencionados anteriormente (podemos colaborar com isto também).
  • Não há capital mínimo estipulado para o estabelecimento de uma sucursal no Japão. A empresa matriz tem um compromisso legal com respeito às atividades da sucursal.

Observações adicionais:

Tempo necessário: 10 dias, se todos os documentos e condições estiverem em ordem.

Podemos abrir uma conta bancária no Japão com o nome da empresa.

Observação: leve em conta que é possível que você venha a encontrar serviços que descrevam condições para o Escritório de Representação como se se tratasse de uma Sucursal, o que pode gerar alguma confusão.

Vantagens e Benefícios:

  Registro como uma pessoa jurídica no Japão.

  A sucursal no Japão pode emitir faturas, assinar contratos, etc., sempre que necessário.

Tabela comparativa das opções
Serviços autorizados no Japão

Estabelecimento de uma empresa nova. Condições para o registro:

  • Contar com um contrato de aluguel de um espaço de escritório (podemos ajudar neste sentido, permitindo-lhe utilizar o endereço do nosso escritório como endereço da sua sucursal).
  • Deverá ser designado um diretor como o representante local da empresa (podemos ajudar neste sentido, disponibilizando um residente local como diretor nomeado).
  • A empresa matriz deverá fornecer uma cópia impressa do ato de incorporação em seu próprio país. Você deverá expedir um documento com firma reconhecida em Cartório (por exemplo, Apostila de Haia, etc.).
  • Traduções para o japonês dos documentos mencionados anteriormente (podemos apoiá-lo nesse sentido).
  • Não há capital mínimo estipulado; o registro pode ser efetuado a partir de 1 yen.

Tributabilidade:

SIM (é necessário a inscrição em Repartição Tributária depois da incorporação de uma empresa japonesa e antes de abrir uma conta bancária no Japão).

É obrigatório apresentar uma declaração de imposto anual, em abril de cada ano (podemos também apoiá-lo a esse respeito).

Observações adicionais:

Tempo requerido: 10 dias, se toda a documentação e condições estiverem em ordem.

Podemos efetuar o processo de abertura de conta bancária no Japão com o nome da empresa.



Serviços bancários no Japão